english version
Recursos do Site
Menu Principal
Fim Menu Principal Hommus
Matriart News

Cadastre-se e receba em seu e-mail, todas as novidades da Matriart LG.

( fim de malabo news )

Será que o chihuahua é o cão certo para mim?

O chihuahua é realmente uma raça pequena e maravilhosa, mas não é a raça certa para todo mundo. Como são muito pequenos, existem algumas considerações especiais sobre o seu tipo de lar. Um chihuahua pode não estar a salvo junto com outras raças de cão, como cães de guarda. Como criador de cães, é sua responsabilidade se certificar de ter encontrado o lar mais adequado para cada filhote vendido, e isso significa fazer algumas perguntas. Nenhum criador quer que seu filhote tenha uma vida estressante, seja machucado ou abusado por crianças ou outros animais de estimação, ou acabe em um asilo de animais ou sem os cuidados necessários.

Antes de comprar qualquer tipo ou raça de cão, é importante pesquisar sobre a raça em questão, para se assegurar de que é a raça certa para você. Algumas raças têm determinados problemas de saúde, outras exigem muito exercício ou carinho, e outras ainda podem latir em excesso ou talvez tenham outros traços que podem torná-la desejável para algumas pessoas, mas não para outras. Nunca compre um filhote de maneira impulsiva, sem pesquisa; lembre-se de que é um compromisso para a vida inteira. A expectativa de vida média de um chihuahua é de 12 a 16 anos ou mais.

Crianças

Crianças e Chihuahuas não se misturam. Não porque o chihuahua seja agressivo com crianças, mas porque crianças (especialmente as pequenas) podem cair ou derrubar brinquedos no chihuahua, ou chutá-lo quando correndo pela sala, ou bater a porta nele. Um chihuahua pode sentir instintivamente que uma criança é, comparativamente, descoordenada e “fora de controle”, e que pode ser perigosa. Isso é verdade, uma vez que crianças têm menos coordenação e são mais desajeitadas que um adulto. Um chihuahua não é apenas pequeno; a maioria tem um ponto mole no topo da cabeça – a moleira -, o que os torna ainda mais passíveis de ferimento. Mesmo uma criança que quer o bem e ama seu cãozinho pode machucá-lo acidentalmente ao abraçá-lo com muita força ou por deixá-lo cair. Além disso, crianças tendem a se mover rápida e impulsivamente, e podem chutar ou pisar no chihuahua quando correndo pela sala. Uma família ativa, por mais bem-intencionada que seja, pode ser muito dura com um chi. A mãe, que já tem muito a fazer na família, teria a preocupante tarefa de “cuidar do chihuahua” o tempo todo como uma responsabilidade diária a mais.

Para famílias que desejam um cão pequeno, recomendamos outras raças pequenas como o Bichon Frise, o Pug ou o Cavalier King Charles Spaniel que podem agüentar crianças um pouco melhor, ou, no mínimo, ser maior que um chihuahua e um pouco mais encorpado. Essas outras adoráveis raças também são amáveis e dão bons companheiros para toda a família. O extra é que a vida em casa seria mais relaxada enquanto as crianças crescem.

Outros bichinhos de estimação

Os chihuahuas se dão bem com outras raças de cães e também com outros animais de estimação, principalmente se criados desde pequeno no mesmo ambiente. No geral, um chihuahua não deveria conviver com raças de cães maiores. Um cão maior e mais agressivo pode ferir um chihuahua facilmente durante uma brincadeira, ou, se quiser proteger sua comida ou brinquedos, uma mordida pode ser o fim.

Os chihuahuas geralmente não se dão bem com as raças terrier, ou que têm um comportamento de terrier (protetores com comida/brinquedos, desafiam outros cães, etc.), uma vez que o próprio chihuahua tem um comportamento de terrier. Assim, um terrier e um chihuahua podem entrar em conflito devido a suas personalidades parecidas, e isso pode ser perigoso uma vez que o chihuahua não conhece o seu tamanho.

Chihuahuas são passíveis de ferimentos aos olhos devido ao seu tamanho e considerável falta de proteção; assim, um gato na casa pode ou não ser uma boa idéia. Gatos mais descontraídos são os melhores. Um gato tímido ou brincalhão demais pode arranhar os olhos do chihuahua.

Considerações de tamanho

O Chihuahua pode não ser a raça certa para algumas pessoas devido ao seu tamanho pequeno. Por essa razão, podem entrar facilmente em lugares perigosos, com fios elétricos, ou passar por baixo de grades e portões. Grades devem ser especialmente preparadas (com impedimentos apropriados) para que o chihuahua não fuja. Como descrito acima, eles não são o bichinho de estimação ideal para lares com crianças ou outros animais de estimação. Além disso, deve-se tomar muito cuidado com esses carinhas na rua. Aves de rapina (como falcões, etc.) e também alguns gatos e outros animais (como coiotes) podem achar que o chihuahua sirva perfeitamente como “lanche”. Chihuahuas nunca deveriam ser deixados sem atenção por longos períodos de tempo, e quando na rua, devem ficar protegidos (inclusive com um teto, se aves de rapina freqüentarem a área). Já ouvi histórias de aves de rapina levando chihuahuas antes de o dono se dar conta de o que aconteceu.

Características da raça

Os chihuahuas são muito fiéis, e podem ser muito protetores com seus donos. Eles são cães realmente grandes em corpos pequenos. Algumas pessoas acham que o chihuahua é um cão medroso, apavorado com tudo, mas, na verdade, eles não conhecem o próprio tamanho e desafiam cães maiores. Os chihuahuas amam a atenção dispensada pelos humanos, e são verdadeiros cães de colo. Eles têm sua própria personalidade e temperamento, da mesma forma que as pessoas.

Os chihuahuas podem ser muito inteligentes, ao ponto de serem mais espertos que você, ou completamente teimosos. A maioria pode ser motivada com um brinquedo, comida ou afeto, o que facilita o treinamento. Muitos chis tentam agradar.

Alguns chihuahuas latem muito; outros, não. Esse traço varia com a linhagem e de indivíduo para indivíduo. Os chihuahuas não são os bobos mordedores de calcanhares como costumavam ser conhecidos, e seu temperamento melhorou muito devido ao trabalho de criadores responsáveis, fazendo sua parte para melhorar a raça.

Como mencionado acima, antes de escolher qualquer raça de cão, tenha certeza de pesquisá-la, fazer perguntas a diferentes criadores sobre a raça, e conversar com famílias e amigos que têm chihuahuas, etc. Existem muitos livros interessantes sobre chihuahuas, e a maioria é bem útil ao explicar como cuidá-los.